Jornal Correio de Notícias

Página Inicial | Economia | Empresas do Rio Grande do Sul e Japão trocam informações e buscam novos negócios

Empresas do Rio Grande do Sul e Japão trocam informações e buscam novos negócios

E-mail Imprimir

O Brasil é o segundo país do mundo com maior número de descendentes japoneses fora do Japão – são cerca de 2 milhões de pessoas em todo o território. Aproximar as duas nações também no âmbito dos negócios foi o objetivo do Seminário de Oportunidades Rio Grande do Sul-Japão, realizado nesta quarta-feira (26), na sede da Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul (FIERGS). Representantes de 11 empresas da nação oriental divulgaram seus produtos e serviços em áreas como metalmecânica, construção civil, alimentação, farmacêutica, química, saneamento e tecnologia da informação e da comunicação. O gerente do Banco de Tókyo-Mitsubishi UFJ Brasil, Yuta Suenaga, ressaltou que “há uma grande oportunidade para que os japoneses prospectem parcerias no Rio Grande do Sul, especialmente, na área médica e de saúde”.
No encontro, foram apresentadas opções de parcerias, com destaque para a estratégica localização do Rio Grande do Sul, com acesso aos principais mercados da América do Sul e à diversificação do parque industrial gaúcho – o segundo do Brasil –, além da quarta colocação como o Estado brasileiro mais  exportador. Também ocorreram rodadas de negócios e aproximação entre indústrias. O cônsul-geral do Japão em Porto Alegre, Takashi Kondo, ressaltou que o seminário dá sequência à visita da comitiva do governo do Estado e empresários gaúchos ao país realizada no mês passado.
O consultor em gestão e negócios Renan Gomes Lobo, de Porto Alegre, participou do encontro em busca de novidades para duas empresas clientes na área de construção civil. “O fato de serem pequenas e médias empresas foi um diferencial. As propostas e as tecnologias que eles apresentaram são propícias e economicamente vantajosas para aqueles que realizarem essas parcerias comerciais”, avaliou.
Yoshiro Sasaki, diretor-executivo da Sakaegumi, indústria de reparação de concretos danificados, que utiliza técnica de injeção nas fissuras  desenvolvida pela própria empresa, destacou que ficou impressionado positivamente com o que viu. “Os brasileiros com os quais tive esse contato já trouxeram, no primeiro encontro, planos de aproveitamento e de aplicabilidade dos produtos e tecnologias oferecidos por nós, o que agiliza o processo para os dois lados”, ressaltou.
O evento foi uma iniciativa da FIERGS, por meio de seu Centro Internacional de Negócios (CIN-RS), juntamente com a Agência de Cooperação Internacional do Japão (Jica) e o programa Invest RS, com apoio da Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Rio Grande do Sul e do Consulado Geral do Japão em Porto Alegre.

 

Publicidade

Publicidade

Blogs

Enquete

Você é favor da convocação de Eleições Gerais no Brasil
 

Twitter CN

    Newsletter

    Expediente

    EXPEDIENTE
    Rua Santos Ferreira, 50
    Canoas - RS
    CEP 92020-000
    Fone: (51) 3032-3190
    e-mail: redacao@jornal
    correiodenoticias.com.br

    Banner
    Banner
    Banner

    TurcoDesign - Agencia de Publicidade Digital